Cinema #6 - Pokemon o Filme Vol 10: Giratina e o Cavaleiro do Céu !



Giratina é o único morador do Mundo Reverso, um mundo pouco conhecido em paralelo com o nosso em que vivemos. Furioso quando Palkia e Dialga distorcem o tempo e o espaço, Giratina leva Dialga até o Mundo Reverso para iniciar uma batalha - mas o confronto é paralisado por um pequeno Shaymin, um Pokémon Gratidão.
Após deixar o Mundo Reverso e conhecer Ash e seus amigos, Shaymin - comunicando-se telepaticamente - pede por ajuda, para que ele possa se reunir com os outros Shaymin no jardim Gracidea.
Logo depois de Ash e seus amigos aceitarem ajudar Shaymin, eles são arrastados para o Mundo Reverso, e lá eles conhecem Newton Graceland, que está pesquisando sobre aquele mundo misterioso. O que eles não sabem é que o antigo assistente de Newton, Zero, deseja selar o poder de Giratina para que então ele possa dominar o Mundo Reverso, mesmo se isso causar a destruição do mundo real! 
Será que nossos heróis conseguirão deter os planos malignos de Zero e proteger os dois mundos? Irá Giratina resolver suas diferenças com Dialga? E o que Ash e seus amigos irão aprender sobre aquele Shaymin especial?




**********************************************************************
AVALIAÇÃO PESSOAL
**********************************************************************
★★★★★


Sabe aquele filme favorito, que te cativa a ponto de você não conseguir mais parar de assistir? Pois bem, aqui está ele. Pokemon Giratina, é sem sombra de dúvidas meu filme favorito, após o Pokemon 2000. Eu não só achei a história muito legal, como adorei a ação presente por toda a aventura de Ash, desta vez, enfrentando um Pokemon muito sombrio, e altamente bestial. Giratina é bem parecido com Moltres, Articuno e Zapdos. Ele não se vê influenciado pelos humanos com muita facilidade. O que conta para ele é seu extinto, e esse fato que torna o filme algo tão eletrizante. A raiva que ele alimenta pelos outros dois pokemons lendários, Palkia e Dialga é ainda mais legal ainda. Vemos uma disputa que interliga os dois outros filmes. O anterior e o futuro. É algo bem programado, e devo aplaudir o diretor e roteirista. A história não só ficou bem elaborada, como também muito bema organizada, para que um fato puxasse o outro.

Os cenários são esplendidos, e o trabalho cinematográfico para esta adaptação ultrapassa os limites de belo e impressionante. Os lugares que aparecem por todo o filme são tão reais que deixa você com aquele gostinho de "CARA! COMO EU QUERIA VER ESSE FILME EM 3D".

Por outro lado, temos Shaymin, um pouco temperamentalmente irritado, e que sinceramente não vai com a cara de Ash, o que dá um diferencial em todos os outros filmes anteriores. Geralmente Ash pega uma amizade repentina com os pokemons lendários, querendo protegê-los. Desta vez não. Shaymin não só o irrita, como tão o faz detestar perto dele. 



A amizade dele com o pokemon não é aquela coisa repentina e totalmente improvável  Ela vai ganhando espaço lentamente pelo filme. Quando Ash percebe, está enfiado numa confusão nem mesmo querer.Místico e totalmente inspirador, sempre me pego assistindo este filme quando quero imaginar lugares legais, onde possa contar minhas próprias histórias. É tão místico olhas os mares, montanhas e florestas! Ah! Transmite aquela sensação de alivio e tranquilidade.

Um ponto que amei foi também citado acima. Neste filme vemos os sentimento dos Pokemons com mais força... Mais vivacidade, o deixa as coisas ainda mais interessantes.

Ah! Claro, e minha cena favorita. O momento durante a fuga para o mais distante de Giratina! É mágica! Só assistindo pra ver. 





 

Nenhum comentário

Postar um comentário

Expresse-se