Coluna: Anime da Semana!




Mais uma sexta-feira, mais uma indicação de anime, o escolhido dessa vez, é um dos meus favoritos nos quesitos comédia e também no quesito drama. Angel Beats é a mistura exata destes gêneros, tenho certeza que muitos que virem esse anime vão concordar comigo. Em seu enredo acompanhamos a história do recém-falecido Otonashi, que acorda com amnésia no chão do pátio de uma estranha escola, e a partir do primeiro contato com Yuri Nakamura (garota que se define como líder da SSSShinda Sekai Sensen ou simplesmente, Frente de Batalha Pós-Vida), descobre que está morto e mais do que isso, que terá de lutar com punhos e armas pelo direito de permanecer nesse novo mundo.


A pior coisa que pode acontecer a eles seria desaparecer, pois como já estão mortos, mesmo que sofram qualquer tipo de ferimento ou golpe (isso inclui, serem esfaqueados, esquartejados, afogados, decapitados, terem seus ossos quebrados, ter seus corações perfurados, ou até mesmo apanharem até o que podemos considerar como morte), eles apenas sentirão uma dor imensa, desmaiaram e voltarão a si completamente ilesos. Desaparecer nesse mundo significa reencarnar na Terra, e perder todas as lembranças que eles cultivaram em suas antigas vidas e enquanto membros da SSS. Outros alunos vivem neste ambiente, mas como não parecem ter consciência própria são denominados de NPC’s. Para se tornar um NPC você deve seguir uma vida normal de estudante.

O inimigo da Frente de Batalha é uma garota chamada Kanade Tachibana, a presidente do conselho estudantil, denominada pela SSS de Anjo. Esta garota parece estar disposta a fazer com que os membros da SSS desapareçam desse mundo, porém muitas reviravoltas estão por vir, e este grupo está prestes a descobrir que talvez o verdadeiro inimigo não seja o Anjo, e que seus motivos sejam de fato mais simples e puros do que todos imaginavam.

Angel Beats, é sem sombra de dúvidas um dos animes mais bem feitos que eu já tive o prazer de assistir. Esta saga muito bem planejada fará aqueles que possuem um coração mais mole, se dobrarem em lágrimas, pois está cheio de momentos emocionantes, assim como Ano Hana, porém, também está repleto de cenas cômicas provenientes dos desastrados, extravagantes e impulsivos membros da Shinda Sekai Sensen. E para tornar o clima do anime ainda mais perfeito, contamos com uma trilha sonora muito marcante, e que tem um papel essencial para o enredo, principalmente “My Song”, a última música tocada pela vocalista da banda Girls Dead Monster, grupo musical de entretenimento criado pela Frente de Batalha Pós-Vida.

Este anime possui apenas uma temporada de 13 episódios e dois Ovas (Ovas são curtas um pouco maiores que os capítulos normais de anime. Geralmente não envolvem o enredo central da série), e a saga é indicada para quando não se tiver muito o que fazer. Hipnotizante, provavelmente será visto em um único dia, sem interrupções exceto talvez para pegar alguns lenços de papel. Se você tem vergonha de chorar na frente dos outros aconselho desde já a assistir esse anime sozinho.

Confira algumas imagens:


















Um comentário

  1. Eu tenho esse em casa, baixei e assisti já faz um tempinho mas é muito bom! E as músicas são legais né? rsrs Show de bola!

    Diego de França
    http://leitorsagaz.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Expresse-se