Coluna: Anime da Semana!





Bem, o anime da semana é um clássico entre os otakus iniciantes e até mesmo aqueles que já conhecem bastante desse mundo. Não se assustem ou desanimem devido à palavra clássico, não é algo antigo, com baixa qualidade de imagem, ao contrário, a qualidade de imagem é impecável e alguns sites disponibilizam inclusive sua versão HD para download, acho porém que este anime merece o título por ser tão viciante e ter um enredo tão bem planejado. É realmente impossível não se apaixonar por seus personagens e/ou pela trama.

Nossa história começa quando um estudante chamado Yagami Raito percebe a queda de um estranho objeto em parte do jardim da escola enquanto olha entediado pela janela de sua sala de aula. Pouco após o horário de aulas ele se dirige até o local e lá encontra um caderno de capa preta com o título “Death Note” em destaque (que para os mais desinformados significa “Caderno da Morte”). Objeto principal da trama, o caderno é acolhido por Raito que o folheia e descobre as suas regras de uso, o que com o tempo vai te fazer querer um também, mesmo que não tenha o mesmo efeito. Ao final do post eu colocarei as regras de uso deste caderninho, mas por enquanto os únicos efeitos que interessam é saber que ao escrever o nome de uma pessoa no Death Note essa pessoa morrerá em quarenta segundos depois. O proprietário do caderno receberá a visita de um shinigami (no caso, tome-se a tradução literal como deus da morte, uma criatura não-humana que dedica seu tempo a escrever os nomes e causas das mortes humanas, e não, não há semelhanças com os shinigamis apresentados no anime Bleach), possível verdadeiro dono do caderno e que deve acompanhar o proprietário humano até o dia de sua morte.

Mesmo não acreditando nas coisas descritas no caderno, Raito resolve tentar e ao ver uma garota ser atacada em frente a uma lojinha de conveniência que ele estava, percebe sua chance. Para a sua surpresa, após quarenta segundos, o criminoso realmente tem um ataque cardíaco diante de seus olhos, e a mente do jovem estudante começa a vislumbrar novas possibilidades para sua nova posse, se tornando o rei de um novo mundo que ele mesmo cria, apagando as manchas da sociedade e escrevendo seus nomes no caderno da morte. Alguns dias depois, acontece a aparição de um shinigami chamado Ryuk. A população e a polícia encontram-se abismados com a frequente morte de bandidos logo após estes terem seus nomes e rostos anunciados na mídia, e um detetive especial, denominado durante todo o anime de L, reconhecido por seus outros casos resolvidos, é designado para encontrar Kira, pseudônimo utilizado por Raito em suas aparições na mídia.

Com a aparição do detetive L, a verdadeira trama do anime começa, e um jogo de inteligência e raciocínio se desenvolve entre os personagens Raito e L, para desvendar a identidade de Kira. Assim como em uma partida de xadrez, cada movimento é calculado para manter as partes em segurança, mas as coisas começam a mudar quando o próprio Raito é designado para a investigação por ser filho do chefe de polícia responsável pelo caso e devido a sua já reconhecida inteligência no âmbito escolar. Mas na verdade isto também faz parte da estratégia de L, que já suspeita que Yagami Raito possa ser na verdade o Kira.

O anime, tão bem afamado entre os otakus, por suas reviravoltas é uma boa pedida, caso você esteja entediado no momento. Um pouco mais extenso que os habituais animes postados na coluna, tenho certeza que os trinta e sete episódios da trama serão vistos em no máximo uma semana devido a dinâmica envolvente do enredo. Death Note conta também com um filme de qualidade japonesa e um Ova. Aos que decidirem assistir o anime, nos comentem suas opiniões no blog, estaremos esperando.

E como prometido, a seguir as regras de uso do Death Note, caso vá encontrar algum pelo caminho:


Regras:

1- O humano que tiver seu nome escrito no Death Note morrerá; 
2- A escrita do nome não terá efeito se o escritor não tiver em mente o rosto da vítima. Assim, pessoas que compartilham o mesmo nome não serão afetadas; 
3- Se a causa da morte for escrita dentro dos próximos 40 segundos após o nome ser escrito, assim acontecerá, desde que a causa não seja impossível; 
4- Se a causa da morte não for especificada, a vítima morrerá de ataque cardíaco; 
5- Após especificar a causa da morte, detalhes dessa podem ser escritos nos 6 minutos e 40 segundos seguintes; 
6- Após este caderno tocar no solo, ele passa a ser de propriedade do mundo humano; 
7- O humano que tocar no Death Note logo após esse chegar ao mundo humano, será seu novo proprietário; 
8- O humano proprietário do Death Note poderá ouvir e ver o Shinigami que foi o dono original do caderno; 
9- O humano que utilizar o Death Note não poderá ir para o Céu nem para o Inferno; 
10- Se a data e hora da morte forem especificadas como parte da causa, assim será, desde que não seja superior à expectativa de vida da vítima; 
11- Mesmo não sendo o proprietário do Death Note, qualquer humano que o toque poderá ver e ouvir o Shinigami que é seu dono original; 
12- A pessoa em posse do caderno será seguida por um Shinigami até morrer. Esse Shinigami deve escrever o nome da pessoa em seu próprio caderno (caso tenha mais de um), na hora da morte dela; 
13- Se um humano utilizar o caderno, o dono Shinigami original deve aparecer para o humano em até 39 dias após esse uso; 
14- A princípio, o Shinigami não pode ajudar o proprietário atual, nem prevenir as mortes que ele pretende causar; 
15- O humano com posse do Death Note pode obter os Olhos de Shinigami e, com isso, ver os nomes e expectativas de vida das possíveis vítimas. Essa troca custa metade da expectativa de vida do humano; 
16- A causa da morte deve ser fisicamente possível em todos os sentidos. Se envolver doenças, deve haver tempo hábil para a doença se manifestar. Se envolver locais, deve ser possível que a vitima esteja nele. Qualquer inconsistência na causa da morte causará o ataque cardíaco; 
17- O material para escrita pode ser qualquer um (tinta, sangue, batom, etc.). O caderno funcionará se o nome for escrito de forma legível; 
18- A causa e os detalhes da morte podem ser escritos antes do nome. Para funcionar, o proprietário tem 19 dias (conforme o calendário humano) para colocar o nome em frente à causa descrita; 
19- Mesmo não tendo a posse, qualquer humano pode escrever no caderno e causar o mesmo efeito; 
20- A vítima ficará imune aos efeitos do caderno se seu nome for escrito errado quatro vezes de forma não intencional; 
21- Se uma pessoa escrever errado quatro vezes intencionalmente, ele morrerá e a vítima continuara vulnerável ao caderno; 
22- No caso de pessoa que tenha desistido da posse de seu Death Note, entrar em contato físico com outro Death Note terá suas memorias de volta enquanto manter contato físico com o caderno; 
23- Se suicidar é uma forma possível de morte. A princípio, qualquer ser humano pode pensar em cometer suicídio; 
24- Qualquer causa de morte que mate outros humanos não vai funcionar. Neste caso, a vítima morrerá de ataque cardíaco; 
25- Após a escrita da causa da morte, essa pode ser modificada quantas vezes quiser, bastando para isto riscar com duas linhas retas a causa anterior e definir a nova em até 6 minutos e 40 segundos; 
26- Mesmo podendo ser alterada a causa e hora da morte, a morte em si nunca poderá ser evitada após a vitima ter seu nome escrito; 
27- Se o caderno for perdido ou roubado, o dono original perderá sua posse se não recuperá-lo em 490 dias; 
28- Só podem existir 6 Death Notes simultaneamente no mundo humano sendo assim se 1 sétimo Death Note existir simultaneamente com os outros 6 apenas os 6 primeiros surtirão efeito sendo o sétimo não passando de 1 caderno comum; 
29- Após abrir mão do caderno, mesmo que a troca dos Olhos de Shinigami tenha sido realizada, o humano perderá tais olhos, além da memória. Já a metade da vida paga pelos olhos não será devolvida; 
30- O caderno pode ser emprestado ou alugado, sem haver a troca de posse; 
31- O humano com o caderno emprestado não será seguido pelo Shinigami. Além disto, o humano com o caderno emprestado não poderá realizar a troca pelos Olhos de Shinigami. 
32- A princípio, não é impossível que um Shinigami tenha dois Death Notes, deixe cair um no mundo humano e mantenha um em sua posse; 
33- Um Shinigami não tem obrigação de explicar as regras do caderno ao humano; 
34- Um Shinigami pode estender sua vida ao escrever nomes humanos no caderno, ficando com o restante da expectativa de vida da vítima. Humanos não podem fazer o mesmo; Um Shinigami não pode ser morto por meios humanos, mas existem formas de matá-los que nem os mesmos tem conhecimento; 
35- Uma das formas de matar um Shinigami é fazê-lo salvar intencionalmente a vida de um humano. Ao fazer isto, sua expectativa de vida será passada ao humano salvo e o Shinigami morrerá; 
36- Uma página ou mesmo um pedaço do caderno tem o mesmo efeito do caderno; Se o nome de uma mesma pessoa for escrito em dois ou mais Death Notes, a prioridade será dada àquele que foi escrito primeiro, independentemente do horário estipulado para a sua morte; 
37- Se o nome de uma mesma pessoa for escrito em dois ou mais Death Notes, com uma diferença de até 0,06 segundos, essas descrições serão consideradas simultâneas, invalidando ambas. Assim, a pessoa que teve seu nome escrito no caderno não morrerá. 
38- Uma causa de morte só pode se estender em um período de até 23 dias. 
39- Uma causa de morte só pode ocupar, no máximo uma página do caderno. 
40- O nome de uma pessoa só pode ocupar uma pagina do caderno, contando frente, e verso da mesma, sendo assim o nome de uma pessoa poder ser escrito na frente da pagina, e seu sobre nome no verso da mesma; 
41- A causa da morte, e as circunstancias da mesma podem ser escritas antes do nome sendo assim todos os nomes escritos após a causa morrerão pela mesma sendo escritos em um período de 40 segundos; 
42- O humano que usar o Death Note, após sua morte, irá ao mesmo destino das pessoas mortas por ele, nesse caso, o vazio.
(Fonte: Wikipédia)



Confira algumas imagens:













Nenhum comentário

Postar um comentário

Expresse-se