Cinema #56 - X-Men: Primeira Classe!



Gênero: Ação
Direção: Matthew Vaughn
Roteiro: Ashley Miller, Bryan Singer, Jane Goldman, Matthew Vaughn, Sheldon Turner, Zack Stentz
Elenco: Alex Gonzalez, Andrei Zayats, Annabelle Wallis, Arthur Darbinyan, Beth Goddard, Bill Milner, Brendan Fehr, Caleb Landry Jones, Carlos Besse Peres, Corey Johnson, David Agranov, David Crow, David Joseph Martinez, Demetri Goritsas, Don Creech, Edi Gathegi, Éva Magyar, Gene Farber, Georg Nikoloff, Glenn Morshower, Greg Kolpakchi, Greg Savage, Gregory Cox, James Faulkner, James McAvoy, James Remar, January Jones, Jarid Faubel, Jason Beghe, Jason Flemyng, Jennifer Lawrence, Josh Cohen, Juan Herrera, Katrine De Candole.
Antes de Charles Xavier (James McAvoy) e Erick Lensherr (Michael Fassbender) se tornarem o Professor X e Magneto, respectivamente, eles eram dois jovens que estavam descobrindo seus poderes como mutantes. Amigos íntimos, trabalham juntos e com outros mutantes na tentativa de deterem uma ameaça global. Neste processo, porém, os jovens mutantes derem início à rivalidade que os acompanhou pelo resto de suas vidas.


*********************************************************************
AVALIAÇÃO PESSOAL
*********************************************************************
★★★☆☆


X Men Primeira Classe leva seus telespectadores a conhecerem como tudo começou e como Professor Xavier e Magneto se conheceram. Depois dos eventos finais em X Men 3: O Confronto Final, chegou a hora de retornar ao passado, conhecendo suas origens.

Xavier é uma mente brilhante e sua inteligência se torna algo assustador. Mas as pessoas não sabem seu segredo, nem o segredo de sua amiga, Raven. Ambos são mutantes, com dons sobrenaturais que para as outras pessoas não passa de um mero sonho.



O mundo se encontra em plena tensão de guerra, e quando mutantes começam a se envolver, Xavier, Erick e Raven, vão se encontrar no meio desse fogo cruzado, preparando um exército para a batalha, mesmo que alguns queiram salvação e outros, vingança.

Antes de mais nada vou avisar: não leio quadrinhos! Não sou grande fã de X Men e não posso falar sobre semelhanças que o filme possa vim ter com o HQ em questão. Por isso irei me centrar no filme, que foi bom, e não leva mais do que isso. Retratando a origem dos X Men, ficou muito bem elaborado, não deixando escapar detalhes que os telespectadores poderiam vir a cobrar após ter assistido os outros filmes da franquia. No quesito efeito especiais, o longa leva com certeza o título de inacreditáveis, e valorosamente notável, mesmo que eu considere o efeito usado para fazer o Fera não muito bom. Este em questão ficou visivelmente falso, e acredito que poderia ter ficado melhor, até porque nos filmes anteriores que o personagem entrou o efeito estava mais realista.  

Entre as interpretações considerei todas muito boas, mas nada que me venha a me impressionar ou surpreender. Posso discorrer que a interpretação de Jenniffer Lawrence não foi uma das melhores e acho que a personagem Mística não combinou com ela em si. Na verdade o filme deixa a desejar na questão de que senti ausência daquele “Q” de emoção que os outros filmes tinham; não tinha a mesma adrenalina e não me fixou em nenhum instante específico. 





 

Um comentário

  1. Oi David!
    Eu não lembro mto do filme pra comentar, mas lembro que gostei mais do que os outros do X-men lançados (Wolverine nem se fale =x) Eu via a serie das antigas, nem tenho como comentar. Mas uma das coisas que gostei foi ver o passado do Magneto e um pouco dele q eu desconhecia, além do Fassbender que é meu xodó =3 Outra coisa que gostei foi de ver o pai do Noturno no filme, achei bem legal!
    um abraço!
    Pan
    http://pansmind.blogspot.com/2013/11/sorteio-de-natal-amazonia-arquivo-das.html

    ResponderExcluir

Expresse-se