Resenha #68 - O Beijo das Sombras (Academia de Vampiros Vol 1!



Coleção: Academia de Vampiros
Título: O Beijo das Sombras
Autor: Richelle Mead
Tradução: Inês Cardoso
Editora: Nova Fronteira
Edição: 1
Ano: 2009
Idioma: Português
Especificações: Brochura | 320 páginas
ISBN: 978-85-2092-337-5
Peso: 450g
Dimensões: 230mm x 160mm
A Escola São Vladimir não é uma escola como outra qualquer. É um esconderijo onde vampiros aprendem a controlar seus poderes e dampiros (meio vampiros, meio humanos) são treinados para protegê-los. Rose Hathaway é uma dampira, guarda-costas de sua melhor amiga Lissa, uma princesa vampira Moroi.
Há dois anos elas estão fugindo, mas agora foram capturadas e estão sendo levadas à força para São Vladimir --justamente o lugar onde elas mais estão em perigo. Juntas, Rose e Lissa vão ter que lidar com inveja, ciúme e novas paixões, e lutarão para, acima de tudo, proteger uma à outra.


*********************************************************************
AVALIAÇÃO PESSOAL
*********************************************************************
★★★★



Surpreendentemente eletrizante. Richelle Mead recria um ambiente vampiresco totalmente viciante, com muita testosterona para seus leitores!

Lissa Dragomir é uma importante garota de uma família tradicional que já teve muita influencia no universo dos vampiros. Seu sangue Moroi é um dos mais procurados pelos perigosos Stigoi, vampiros sanguinários que se alimentam das linhagens mais poderosas desta raça. Mas chegar até Lissa não será uma tarefa fácil, julgando que Rose Hathaway, sua melhor amiga e futura guardiã, não abre mão de protegê-la de todas as ameaça, mesmo que isso signifique fugir do único local seguro para esses vampiros: A escola São Vladimir. Mas um arquitetado plano está sendo manejado e Lissa e Rose podem estar correndo sério risco. Os poderes secretos de Lissa são um grande fardo e ao mesmo tempo a chave para destravar uma guerra perigosa que pode ameaçar abalar não só a escola, como toda a organização da sociedade vampiresca.

O Beijo das Sombras é um livro muito instigante. Basicamente o devorei em menos de uma semana. A escrita de Richelle Mead é maravilhosamente viciante, e apesar de algumas cenas bem “quentes” ela soube usar uma linguagem acessível e nada vulgar, como estou acostumado a ver na série The House Of Night. Se você está cansado de aventuras que envolvam vampiros, largue já esse pensamento. Academia de Vampiros foge de todas as igualdades com as outras séries e quebra paradigmas, mesclando sobrenatural com algo meio medieval. Pessoalmente me encantei pela série, e mesmo não tendo apreciado as primeiras imagens que divulgaram sobre a adaptação, o livro com certeza leva minhas quatro estrelas e mais alguns pontinhos extras pelo enredo super focado. A autora não só trabalhou muito bem seus personagens (me identifiquei demais com nosso amigo Christian) como também bolou um ambiente que abre diferentes leques, tanto para misturar mitologia ou acontecimentos históricos, como para deixar a imaginação fluir e desenrolar uma bela viagem pela terra dos sonhos. Mead não deixa falhas nesse volume e todos os enigmas são solucionados.


As pessoas mudam. Nos estamos sempre mudando.” – (Academia de Vampiro Vol 1: O Beijo das Sombras, pag 141)



Ninguém é normal, não de verdade.” – (Academia de Vampiro Vol 1: O Beijo das Sombras, pag 156)


O livro narrado em primeira pessoa, tendo como narradora nossa protagonista Rose, não deixa escapar nenhum tipo de ação ou momento que você venha a reclamar por não ver.  E apesar de em algumas ocasiões eu achar que uma abordagem em terceira pessoa ficaria muito melhor, não influencia em nada na leitura.

Fiquei encantado pelos personagens e na verdade não tem um que eu realmente não tenha gostado. Lissa é a que menos me faria falta, apesar de ela ser uma das principais. Gostei dela, mas a achei uma pessoa altamente sem senso crítico e em alguns momentos muito fácil de influenciar. Isso me chateou em alguns pontos da leitura e tive vontade de bater nela. Claro que obviamente isso foi proposital, até porque nossa feminista aqui é Rose, a garota altamente independente, de sangue quente e impulsiva, que não se reserva a abaixar a cabeça com a opinião dos outros. Pelo contrário, ela se mostra guerreira e enfrenta os perigos, mesmo quando eles parecem impossíveis de se superar. Foi uma atitude que me agradou muito. A maioria dos protagonistas que vejo em livros são pessoas sem alto-estima, ou até mesmo inseguros de si. Rose não. Ela é forte, alto astral e super animada, e mesmo quando parece que ela vai desabar ela resiste (Rose seduz #semmais).

Claro que isso não muda o fato de eu ter me identificado com o personagem mais anti-social da historia, Christian. São pequenos detalhes sabe! O fato é, se você ainda não leu, pare de perder tempo. Corre pra livraria agora e compra Academia de Vampiro, você não vai se arrepender (ou talvez vá, sei lá kkkkk) (eu não sou uma pessoa persuasiva).

É fácil observar as pessoas quando ninguém nota sua presença.”- (Academia de Vampiro Vol 1: O Beijo das Sombras, pag 247)


 

2 comentários

  1. Um dos meus queridinhos <3
    A Série toda é ótima!

    Beijos,
    Jhey
    www.passaporteliterario.com

    ResponderExcluir
  2. Sou suspeita para falar dessa série pq eu realmente amo! Só me falta ler o último.

    ResponderExcluir

Expresse-se