Coluna: Anime da Semana!




Esta semana, o anime escolhido para ser comentado é Kimi Ni Todoke (君に届け, em japonês, literalmente ficaria algo como, Alcançando Você), que é uma comédia romântica que vai te fazer dar ótimas gargalhadas com a protagonista da história, uma tímida garota chamada Kuronuma Sawako, que por experiências anteriores em colégios, acabou ganhando o nome de Sadako, nome de uma assombração japonesa equivalente à loira do banheiro aqui no Brasil. Por ser muito tímida ela acaba não sabendo interagir com os colegas e os assustando, reforçando ainda mais os rumores que afirmam que ela teria uma aura maligna. E é justamente disto que o enredo da história trata, de nossa protagonista tentando se enturmar, tornar-se alguém parecida com seu ídolo, um garoto chamado Kazehaya Shouta, popular entre todos na escola e que aparenta estar sempre sorrindo. Ele é o primeiro da classe a conversar com Sawako sem demonstrar medo algum, e se esforçar ao máximo para fazer com que a garota seja aceita pela turma. Porém o que eles não esperavam era o surgimento de um sentimento maior que o da admiração um pelo outro, mas outras pessoas podem estar interessadas em atrapalhar o florescer do amor entre eles.

Tudo bem chega de falar da história, Kimi Ni Todoke é perfeito para garotas que gostam de ver aquelas cenas bobas e românticas tanto quanto gostam de rir, pois apesar do enredo central ser um romance, a personalidade atrapalhada de Sadako junto com os súbitos ataques de vergonha de Kazehaya rende bastantes risadas. Temos, além disso, a participação de outros personagens que eventualmente viram amigos de ambos protagonistas, e entre eles estão: Yano Ayane e Yoshida Chizuru, uma dupla de garotas que botam medo em muita gente na escola por conta de seus estilos agressivos, mas que acabam se demonstrando excessivamente emotivas em relação à Sawako, e também, o calado Sanada Ryu, amigo de infância de Chizuru e Kazehaya. Ele é um personagem que pouco demonstra ação nos primeiros episódios, mas que adquire características muito marcantes com o desenrolar do enredo. Ah, e claro, não poderia me esquecer de mencionar o impagável professor Arai Kazuichi, a quem todos se referem como “Pin”, que alega veementemente ser irresistível para as garotas e que morre de medo da Sawako, que segundo ele é uma espécie de bruxa.

Kimi Ni Todoke, ganhou também uma adaptação para filme de mesmo nome do anime em 2010, produzido pelo diretor Kumazawa Naoto, e seu enredo é praticamente um resumo da primeira temporada do anime, claro, com algumas modificações. Ao todo este shoujo tem duas temporadas, a primeira contendo vinte e cinco episódios e a segunda apenas treze. A diferença entre uma e outra é que na segunda os personagens encontram-se um pouco mais maduros, e Kazehaya que era bastante evasivo em relação a seus sentimentos, parece mais honesto consigo mesmo.

Ótimo anime pra se ver no inverno, com o notebook e deitado na cama.

Confira algumas imagens:









Nenhum comentário

Postar um comentário

Expresse-se