Cinema #74 - Capitão América 2: O Soldado Invernal!



 Ficha Técnica:
Gênero: Ação
Direção: Anthony Russo, Joe Russo
Roteiro: Christopher Markus, Stephen McFeely
Elenco: Anthony Mackie, Chris Evans, Samuel L. Jackson, Scarlett Johansson, Sebastian Stan
Produção: Kevin Feige
Fotografia: Trent Opaloch
Duração: 135 min.
Ano: 2014
  
 Sinopse: Após os eventos de Os Vingadores - The Avengers, Steve Rogers (Chris Evans) continua em sua aliança com Nick Fury (Samuel L. Jackson) e a SHIELD para lutar pela justiça, ao mesmo tempo em que se adapta ao mundo moderno. Em parceria com Natasha Romanoff (Scarlett Johansson), também conhecida como Viúva Negra, precisa derrotar um poderoso e misterioso inimigo que ameaça os Estados Unidos e fez da cidade de Washington sua base de operações.


*********************************************************************
AVALIAÇÃO PESSOAL
*********************************************************************



Pelo jeito, o queridinho Stark não tem tanta sorte em suas continuações. Explicitamente, o famoso homem de ferro não pode competir contra o deus nórdico do trovão. Mas agora, ele também não pode acompanhar o super soldado. Se você achou Capitão America fraco pelo seu primeiro longa, sugiro que reveja seus conceitos e assista ao Soldado Invernal.

Steven Rogers está de volta. Após salvar o planeta da invasão alienígena, finalmente encontrou um tempo e uma vocação para a qual retornar. Agora, como agente da Shield, está cada vez mais descobrindo os pontos negativos que a organização apresenta ter. Mal sabe ele que perigosos mistérios serão desvendados e a Shield pode ser muito mais sombria do que aparenta.

Capitão America 2 – O Soldado Invernal é um filme com um ritmo alucinante, com aqueles momentos que deixam o telespectador totalmente focado em descobrir o que vai acontecer depois. As cenas são eletrizantes do inicio ao fim e profundamente, é muito mais emocionante. Emocionante no sentindo que a ação não acaba nunca.

Os personagens não só foram muito mais explorados como também muito mais trabalhados, principalmente a Viuva Negra, eu creio, que ainda não conta com um filme inteiramente seu. Ela ganha bastante destaque ao lado do protagonista e chega a ser mais amada do que durante suas curtas aparições em Homem de Ferro 2 ou em Os Vingadores.



O que ficou muito bem elaborado, sem sombra de dúvidas foi o vilão. Escolher Sebastian Stan como vilão foi uma ótima ideia. Suas aparições não só faziam todos se silenciarem, como deixava aquela tensão extrema no ar. Se houveram pontos negativos neste filme, talvez tenha sido uma preocupação pessoal com a fuga da realidade do personagem. Achei que em algumas cenas, para mostrar o quanto Capitão America é forte e indestrutível (o que ele não é), os diretores tornaram as coisas meio apelativas, de forma a exagerar nas manobras que o personagem era capaz de fazer. Tá, eu sei que o soro do Hulk é o primeiro teste do super soldado que não deu certo, e sei também que o Capitão não é um humano normal. Mas também não é indestrutível que eu saiba! Nem tem ossos de ferro certo? Especificamente a parte que ele salta de um elevador, a sei lá quantos metros de altura do chão, e cai sobre o braço, protegido pelo escudo, sem nenhum arranhão ou osso nem que seja fraturado, ficou extremamente apelativa, afinal, ele não é o Hulk! Contudo, não é nada que venha afetar a graça do filme ou sua ação. É uma ótima pedida. Mas, por favor, vá para o cinema LEGENDADO. NÃO VEJA A LISTA DE COISAS PERDIDAS DO CAPITÃO EM VERSÃO BRASILEIRA! É O CÚMULO!



Um comentário

  1. Eu estou louca por esse filme desde sempre. O problema é que o cinema da minha cidade é a coisa mais atrasada do universo então, terei que esperar um bom tempo pela estreia.
    Abraço, Isabella
    http://agalileu.blogspot.com

    ResponderExcluir

Expresse-se