08 março 2018

Resenha #188 - Um Beijo à Meia-Noite (Contos de Fadas Vol 2)!





Título: Um Beijo à Meia Noite
Coleção: Contos de Fada Vol 2
Autora: Eloisa James
Editora: Editora Arqueiro
Ano: 2017
Especificações: Brochura | 320 páginas
ISBN: 13: 9788580417784
 Sinopse
Kate Daltry é uma jovem de 23 anos que não costuma frequentar os salões da alta sociedade. Desde a morte do pai, sete anos antes, ela se vê praticamente presa à propriedade da família, atendendo aos caprichos da madrasta, Mariana. Por isso, quando a detestável mulher a obriga a comparecer a um baile, Kate fica revoltada, mas acaba obedecendo. Lá, conhece o sedutor Gabriel, um príncipe irresistível. E irritante. A atração entre eles é imediata e fulminante, mas ambos sabem que um relacionamento é impossível. Afinal, Gabriel já está prometido a outra mulher – uma princesa! – e precisa com urgência do dote milionário para sustentar o castelo. Ele deveria se empenhar em cortejar sua futura esposa, não Kate, a inteligente e intempestiva mocinha que se recusa a bajulá-lo o tempo todo. No entanto, Gabriel não consegue disfarçar o enorme desejo que sente por ela. Determinado a tê-la para si, o príncipe precisará decidir, de uma vez por todas, quem reinará em seu castelo. Um beijo à meia-noite é um conto de fadas inspirado na história de Cinderela. Com um estilo que combina graça, encanto e sedução, Eloisa James escreve uma narrativa envolvente, com direito a fada madrinha e sapatinho de cristal.
Cortesia Editora Arqueiro 

************************************************************
AVALIAÇÃO PESSOAL
************************************************************

A minha princesa preferida da Disney é a 'Cinderela', logo estava muito ansiosa para ler essa releitura da Eloise James. 'Um Beijo à Meia Noite' é o segundo livro da série 'Contos de Fadas', publicado pela Editora Arqueiro, de forma que envolve o leitor tanto quando o primeiro, dessa vez apresentando a historia de Kate e Gabriel.

- Porque é melhor viver uma paixão, Kate, conhecer um homem e amá-lo, mesmo que ele nunca possa ser seu, do que nunca amar.”

Kate Daltry, perdeu a mãe muito jovem, e após duas semanas da morte da mesma, seu pai se casou novamente e logo veio a falecer. Ela passa a viver com sua madrasta Mariana que a trata como uma empregada. E com sua meia irmã Victoria, que ao contrário de Kate, frequenta os melhores bailes de Londres e logo fica noiva. Porém, para se casar a mesma precisa da aprovação do tio do noivo, Príncipe Gabriel, e para isso ela necessita comparecer ao baile de noivado do príncipe, mas um acidente com seus cachorros a impede de sair de casa. Até que Mariana decide que Kate deve ir no lugar de Victoria, apesar de não achar uma boa ideia, encarando o desafio devido ao amor a meia irmã.

Kate conhece sua madrinha, que logo percebe os sentimentos de sua afilhada pelo príncipe e vice versa. Mas apesar dos sentimentos um pelo outro, Gabriel precisa se casa com a Princesa Tatiana, para poder manter seu castelo e todos que vivem nele seguros, e Kate é apenas uma criada pobre. Por isso, tentam manter se longe um do outro , falhando miseravelmente. 

– Eu consegui – disse Gabriel, num tom casual. – Conheci a mulher perfeita para mim. E agora... conhecerei minha esposa.”

Esse livro é muito amorzinho. Me encantei pela história e pelos personagens. A história é lindíssima e tudo vai acontecendo no momento certo. Morri de rir com Wick, irmão mais novo de Gabriel (aliás adoraria ler um livro apenas sobre ele), e com Henry, madrinha de Kate, se tornando com certeza os personagens essenciais para o alívio cômico e o desenvolvimento da trama. Seus diálogos eram engraçados e totalmente inesperados, sempre com algum trocadilho inteligente. 

'Um Beijo à Meia-Noite' ainda contém os elementos mais épicos que fazem do conto ao qual foi inspirado (Cinderela) uma maravilhosa leitura para os fãs do conto de fada, trazendo o sapatinho, o príncipe, a plebeia, a madrasta, a meia irmã e a até mesmo a madrinha.

Apesar de ser o segundo livro da série 'Contos de Fadas', não é necessário ler o livro anterior para ler este, pois são livros independente, sendo considerada série apenas por todos os livros da coleção serem recontos dos contos de fadas. Mas claro, que apaixonada como fiquei por esse e pelo primeiro, que irei sugerir a leitura de ambos, pois são PERFEITOS. A dose certa de fantasia, romance e elementos de época.


Eloisa James escreveu seu primeiro romance depois de se formar em Harvard, mas o manuscrito foi rejeitado por todas as editoras. Depois de obter mais alguns diplomas e arranjar emprego como professora especializada em Shakespeare, ela tentou novamente, dessa vez com mais sucesso. Mais de 20 best-sellers depois, ela dá cursos sobre Shakespeare na Fordham University, em Nova York, é mãe de dois filhos e, numa ironia particularmente deliciosa para uma autora de romances, é casada com um legítimo cavalheiro italiano.



5 comentários:

  1. Ai que amorzinho de resenha. Eu tenho primeiro livro mas ainda não consegui ler. Quero ler os dois. Esse já está na minha lista para futuras compras :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá, Ana.
    Gostei muito de ler sua opinião porque eu comprei ele e ainda não li porque li algumas resenhas negativas. A Cinderela também é minha favorita. Eu amei o outro livro e espero gostar desse também.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Oi
    quero muito ler esses livros, gosto muito de histórias desse tipo e tenho certeza que vou gostar de ler.

    momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Ana, eu adoro a autora e amei esse livro! Realmente a madrinha é ótima, morri de rir com ela e adorei o casal!!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  5. Oi, Ana.
    Eu gosto de saber que livros assim não precisam ler na ordem, porém, mesmo assim prefiro ler na sequência, é como se fosse um TOC hahaha.
    Não me interesso pelo gênero, mas quem gosta certamente vai amar o livro.

    Abraços
    Naty
    http://www.revelandosentimentos.com.br

    ResponderExcluir

Expresse-se